História e Património das "Terras de Algodres"
(concelho de Fornos de Algodres)
ed. Nuno Soares
Contacto: algodrense(at)sapo.pt
Segunda-feira, 29 de Outubro de 2007
Gravações cruciformes no centro histórico de Algodres

Algodres-cruciforme-3.jpg

 

(foto de Albino Cardoso)

 

 

 

O nosso amigo Albino Cardoso, que tem vindo a realizar um levantamento das gravações de simbologia religiosa em construções do concelho de Fornos de Algodres, deu a conhecer recentemente, no seu blog D’ALGODRES, algumas gravações cruciformes inéditas, efectuadas em ombreiras de portas, no centro histórico de Algodres (ver aqui, aqui e aqui).

 



publicado por algodrense às 01:37
link desta entrada | comentar | ver comentários (3) | favorito

Quarta-feira, 24 de Outubro de 2007
Documentos para a história de Algodres (13)

 

 

Inquirições de D. Dinis

 

(IAN-TT, Leitura Nova, Inquirições da Beira e Além Douro, fl. 37)

 

 

 

O Dr. Pedro Pinto (CEH-UNL) fez o favor de nos enviar a seguinte transcrição das Inquirições acima referenciadas (realizadas na década de 80 do séc. XIII, por mandado do rei D. Dinis), na parte referente aos julgados de Fornos de Algodres, Matança e Algodres:

 

  “

 

  Julgado de ffornos d algodres

 

  [sinal de caldeirão] Dizem as testemunhas que em todo este Julgado nom ha honrra nenhuma e que todo he Reguengo d el Rey e dizem as testemunhas que os homeens lauradores que moram na aldeya de figueiros que he de sam Joham de tarouca estenden sse pellos Regueemgos d el Rey E per este Julgado e pera alem dos marcos do Regueengo fazem ende honrra e nom dama d el Rey ende nada. E dizem as testemunhas que elles diram per hu he o Reguengo quamdo os preguntassem [sinal de caldeirão] Todo este Julgado he deuasso e entre hy o moordomo d el Rey por todollos seus dereitos E quanto se possam daquella aldeya ao Reguengo d el Rey chame el Rey si quiser

 

  Julgado de matança

 

  [sinal de caldeirão] Nom a y honrra nenhuma [sinal de caldeirão] Este como estaa por deuaso

 

  Julgado d algodres

 

  [sinal de caldeirão] Nom ha y honrra nenhuma [sinal de caldeirão] Estee como estaa por deuasso “.

 



publicado por algodrense às 01:02
link desta entrada | comentar | ver comentários (3) | favorito

Segunda-feira, 22 de Outubro de 2007
Publicações recentes (3)

Acaba de ser publicado mais um número da revista Beira Alta (vol. LXV (2006) – fasc. 3 e 4), no qual o Mestre João Rocha Nunes (que nos dá a honra de colaborar neste blog) assina um artigo intitulado: “Violência e Vivência em Terras de Penalva (1700-1740)” (pp. 311-350).



publicado por algodrense às 20:08
link desta entrada | comentar | ver comentários (1) | favorito

1º. Encontro “Patrimónios a Valorizar” (Castro de Santiago, 10.Novembro.07)

TA-LimpezaCAS-2007.jpg

A associação “Terras de Algodres” vai realizar, no próximo dia 10 de Novembro (Sábado), entre as 14:00 e as 18:00 horas, trabalhos de limpeza no “Castro de Santiago”, seguidos de um convívio entre os participantes, à volta de um magusto.

 

Informações complementares estão disponíveis aqui.

 

A associação “Terras de Algodres” pode ser contactada através do endereço de correio electrónico:  terrasdealgodres@sapo.pt



publicado por algodrense às 01:00
link desta entrada | comentar | favorito

Segunda-feira, 15 de Outubro de 2007
...

SGL_3.JPG


Programa disponível aqui.



publicado por algodrense às 01:00
link desta entrada | comentar | ver comentários (1) | favorito

Segunda-feira, 8 de Outubro de 2007
Apresentação do novo livro de Amélia Pinto Pais

FPessoa-convite.jpg

 

 

No próximo dia 17 de Outubro, pelas 18:30h., vai realizar-se na Casa Fernando Pessoa, em Lisboa, a sessão de apresentação do livro Fernando Pessoa, o menino da sua mãe, da autoria da algodrense Amélia Pinto Pais.

 

 

 

A obra é dedicada ao público infanto-juvenil e será apresentada pelo Prof. Dr. José Augusto Cardoso Bernardes.

 



publicado por algodrense às 01:00
link desta entrada | comentar | ver comentários (2) | favorito

Conclusão das escavações arqueológicas em Algodres

algodresmedieval06.jpg

 

 

“Estão neste momento a terminar as escavações arqueológicas na aldeia de Algodres (no concelho de Fornos de Algodres) no âmbito das obras para colocação de infra estruturas básicas de saneamento e electricidade.

 

 

 

Os trabalhos decorrem nas proximidades da Igreja Matriz e estão a pôr a descoberto o que resta de um cemitério local de cronologias que se estenderão provavelmente desde a Alta Idade Média até ao século XIV.

 

 

 

Até ao momento foram escavados 27 ossários e cerca de 92 esqueletos retirados de sepulturas escavadas no substrato rochoso.

 

 

 

Cliente: Câmara Municipal de Fornos de Algodres

 

Coordenação: Inês Mendes da Silva

 

Responsável Científica: Marina Pinto”.

 

 

 

(Nota:  foto e informação obtidas hoje no  site  da ERA – Arqueologia, S.A.).

 



publicado por algodrense às 00:50
link desta entrada | comentar | ver comentários (2) | favorito

Segunda-feira, 1 de Outubro de 2007
Documentos para a história de Algodres (12)

 

 

(Chancelaria de D. João III)

 

 

 

O Dr. Pedro Pinto (CEH-UNL) teve a amabilidade de nos enviar os seguintes resumos de documentos existentes no IAN/TT – Chancelaria de D. João III, com interesse para a história das Terras de Algodres:

 

 

 

Livro 52, fol. 48v

 

31.12.1529

 

Carta régia confirmando o alvará de 13.8.1519, pelo qual D. Manuel ordenava ao Corregedor da Beira que os moradores de Fornos não fossem constrangidos para terem outro padrão de medidas de azeite, somente o que tinham de vinho.

 

 

 

Livro 52, fol. 56v

 

30.12.1529

 

Carta régia confirmando o alvará de 16.8.1519, pelo qual D. Manuel ordenava que os moradores de Fornos de Algodres não fossem constrangidos a afinar os seus pesos e medidas mais do que duas vezes cada ano, e os moradores do termo apenas uma vez.

 

 

 

Livro 52, fol. 56v

 

11.05.1529

 

Carta régia confirmando o alvará de 13.8.1519, pelo qual D. Manuel ordenava que o concelho de Fornos não fosse obrigado a ir às procissões do dia de Corpus Christi, do Anjo e de Santa Isabel, que se faziam no concelho de Algodres, pois o concelho de Fornos tinha privilégio de somente ir o clérigo de Fornos pelo dia de Corpus Christi, pois era concelho sobre si e não era sujeito a Algodres, podendo realizar essas mesmas procissões em Fornos onde se ajuntava muita gente.

 



publicado por algodrense às 01:00
link desta entrada | comentar | ver comentários (2) | favorito

pesquisar
 
Agosto 2015
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30
31


entradas recentes

...

Sobral Pichorro e Fuínhas...

...

Freguesia de Muxagata no ...

...

Freguesia de Maceira no C...

...

...

Freguesia de Fornos de Al...

...

links
temas

abreviaturas

algodres

alminhas

bibliografia (a - f)

bibliografia (g - r)

bibliografia (s - z)

bibliografia algodrense

capelas

casal do monte

casal vasco

castro de santiago

cortiçô

crime e castigo

documentos

estatuto editorial

estelas discóides

figueiró da granja

fornos de algodres

fortificações

fraga da pena

fuínhas

heráldica

humor

índice

infias

invasões francesas

juncais

leituras na rede

lendas e tradições

maceira

marcas mágico-religiosas

matança

migração do blog

mons. pinheiro marques

muxagata

notícias de outros tempos

personalidades

pesos e medidas

publicações recentes

queiriz

quinta da assentada

ramirão

rancozinho

sepulturas escavadas na rocha

sobral pichorro

toponímia

vias romanas

vila chã

todas as tags

arquivos

Agosto 2015

Julho 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Março 2013

Maio 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

blogs SAPO
mais sobre mim
subscrever feeds
Redes

Academia

Facebook

LinkedIn